Destaque

Por que os ERPs NÃO separam o custo médio dos estoques entre fixo e variável (visando calcular a MARGEM DE CONTIBUIÇÃO)?

A discussão é longa e dificilmente trazida à tona pelas fabricantes de ERP.

Já os profissionais de Controladoria e Finanças, em se tratando de custeio industrial, convivem com essa situação há anos.

Mas ninguém de fato ataca o problema:

Como obter a MARGEM DE CONTRIBUIÇÃO se os ERPs não separam (nativamente) o custo médio dos estoques entre fixo e variável?

Antes de mais nada, precisamos separar os ERPs nacionais (TOTVS, SENIOR, SANKHYA, ETC) dos ERPs globais (SAP, ORACLE, DYNAMICS, ETC).

No caso específico do SAP, tido como “o melhor sistema integrado do planeta”, Continue lendo “Por que os ERPs NÃO separam o custo médio dos estoques entre fixo e variável (visando calcular a MARGEM DE CONTIBUIÇÃO)?”

Anúncios